Estudantes de Cedro de São João conhecem projetos desenvolvidos pela Sedetec e vinculadas

Caravana do ‘Sergipe é aqui’ aportou no município do baixo São Francisco em sua 25ª edição

Com aproximadamente seis mil habitantes, Cedro de São João é o 25º município a receber a caravana itinerante do Governo do Estado. Nesta edição, a Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico, da Ciência e Tecnologia (Sedetec) levou para o ‘Sergipe é aqui’ projetos relacionados às áreas de energia e sustentabilidade por meio do Sergipe Parque Tecnológico (SergipeTec), análises do Instituto Tecnológico e de Pesquisas do Estado de Sergipe (ITPS), além de serviços voltados para o setor empresarial, por meio da Companhia do Desenvolvimento Econômico de Sergipe (Codise).

A pesquisadora do SergipeTec Fernanda Santana detalha o que está sendo apresentado pelo parque. “Nós trouxemos uma maquete da energia eólica, representando duas torres de geração dessa energia que temos instaladas em Riachão do Dantas e Neópolis. Essas torres servirão para coletar dados anemométricos [medição da velocidade do vento] e com isso traçar o mapa eólico do estado de Sergipe. Além disso, estamos apresentando também uma maquete que mostra a energia fotovoltaica”, explicou.

Em visita aos estandes do governo no ‘Sergipe é aqui’, a estudante do 3º ano do ensino médio Maria Clara Andrade informou que já conhecia o funcionamento da geração de energia solar e eólica, mas pôde ver mais de perto, por meio das maquetes levadas pelo SergipeTec. “O que foi explicado é fundamental para a gente ter uma noção na prática, pois são energias renováveis e que ajudam o meio ambiente. Muito interessante”, pontuou.

Já o estudante do 7º ano do ensino fundamental Ítalo Santos aprendeu que o sol também pode gerar energia e elogiou a iniciativa de levar tais informações para a cidade. “As pessoas, às vezes, não têm conhecimento sobre esse tipo de coisa e é importante saber disso, pois pode até trazer economia para as pessoas”, completou.

Análises laboratoriais

O município de Cedro é conhecido pelo artesanato, pela carne do sol e pelas culturas do milho e do arroz. Por isso, o ITPS levou para esta edição do ‘Sergipe é aqui’ serviços sobre análise foliar, de água e de solo, recebendo, inclusive, amostras para análises gratuitas. “A análise de solo é de extrema importância para todas as culturas e é um dos primeiros passos para fazer o plantio, em complemento à análise foliar e da água. As análises vão dizer como está a cultura e, se necessário, como melhorar esses parâmetros”, explicou a coordenadora do Laboratório de Ensaios Inorgânicos do ITPS, Deborah Feitosa.

Última atualização: 25 de abril de 2024 11:38.

Pular para o conteúdo